calculator (3).png
COTAR SEGURO

As 10 motos mais rápidas do mundo

07/10/2019

 

 

VOCÊ LÊ EM 1 MINUTO

Quem não gosta de pegar sua moto e dirigir na estrada acelerando? Os asfalto lisinho, o vento batendo no corpo e aquela sensação de adrenalina é quase que indescritível, e para muitos chega ser viciante.

 

Veja também: As 10 motos mais caras do Brasil.

 

Você já imaginou até quanto uma moto pode atingir sua velocidade máxima? Confira abaixo a relação das 10 motos mais rápidas do mundo e sinta um pouco a imaginação de estar pilotando uma máquina dessas.

 

1. Kawasaki Ninja H2R

 

 

Velocidade máxima 400 km/h

 

Esse é o modelo mais exclusivo da marca. Tudo nessa moto é feito sob total perfeição e com os mínimos detalhes e exclusividade. Começando pela tecnologia do motor que é feita pela divisão da marca responsável também por produtos aeroespaciais. Possui uma potência de simplesmente 300 cavalos, equipada com motos de 4 cilindros e com 998cc. Foi desenvolvida para andar somente nas pistas de corrida. Preço R$ 357.000,00.

 

2. MTT Turbine Superbike Y2K

 

 

Velocidade máxima 365 km/h

 

Essa moto foi criada por Ted MecIntyre da Marine Turbine Technologies Ins, é a segunda do mundo que possui motor e tração de turbina da montadora Rolls-Royce. O modelo já entrou no Guinness World Records (livro dos recordes) como a motocicleta mais poderosa e a mais cara para produção. Preço E.U. $ 185.000,00.

 

3. Lightning LS-2018

 

 

Esta é uma motocicleta elétrica projetada e produzida nos EUA pela Lightning Motorcycle, sua produção começou em 2014. O modelo promete trazer uma incrível autonomia de 640 km com apenas uma carga nas baterias. Preço a partir E.U. $ 38.888,00.

 

Velocidade máxima 351 km/h

 

4. BMW S 1000RR HP4

 

 

A principal característica desse modelo é o peso: apenas 169 kg com o tanque vazio. A intenção é otimizar o desempenho nas pistas, por isso tudo nessa moto é pensando para deixar ela o mais leve possível, desde as rodas de alumínio forjadas e um suporte de coroa mais leve. Preço R$ 98.900,00.

 

Velocidade máxima 350 km/h

 

5. Kawasaki Ninja ZX-14R

 

 

Velocidade máxima 334 km/h

 

O modelo veio para tentar desbancar a Suzuki Hayabusa do posto de moto mais rápida do Brasil, e conseguiu. De acordo com a montadora, sua potência máxima é de 200 cv a 10.500 rpm. Preço R$ 39.296,00 (2014).

 

6. Ducati Panigale 1199 R

 

 

Velocidade máxima 325 km/h

 

Esse modelo é a versão mais potente da família superesportiva da marca, voltada para um público que busca desempenho profissional em uma moto de rua. Ela foi fabricada com base nos feed-back de seus melhores pilotos para criar um produto realmente diferenciado. O “R” é referente ao sistema que ajuda na troca de marchas rápidas, sem a necessidade de acionar a embreagem. Preço R$ 115.620,00 (2016).

 

7. Suzuki Hayabusa

 

 

Velocidade máxima 317 km/h

 

O modelo foi apresentado originalmente em 1999. Foi testada como sendo a motocicleta em produção mais rápida do mundo antes de criar um acordo entre as fabricantes japonesas em 2001 para limitar, eletronicamente, a velocidade das motos produzidas. Preço 63.483,00 (0 km).

 

8. Honda CBR 1100XX Super Blackbird

 

 

Velocidade máxima 303 km/h

 

O modelo foi lançado em 1996 e é considerada a mais potente superesportiva da Honda. Essa moto foi estudada para atender o gosto daqueles que realmente buscam uma moto perfeita para viagens com boa velocidade e conforto. Preço R$ 29.883,00 (2006).

 

9. Yamaha YZF R1

 

 

Velocidade máxima 299 km/h

 

Seu grande diferencial, em comparação aos modelos de outras marcas, é adoção do sistema “Crossplane”, no qual os pistões do motor trabalham de forma assimétrica, garantindo aceleração mais constante. O modelo é um dos principais da categoria das superesportivas. Totalmente nova, foi projetada com auxílio do piloto Valentino Rossi, da categoria MotoGP. A começar do motor, um dos itens mais importantes neste segmento. Preço R$ 96.872,00 (2016).

 

10. Aprilia RSV4 RF

 

 

Velocidade máxima 298 km/h

 

A Aprilia, marca de esportivas do grupo Piaggio italiano, experimenta forte presença nas competições e no mercado europeu. Ela é praticamente a moto que foi campeã do mundo de Superbike em 2010, com Max Biaggi.

 

 

 

Please reload

Mais lidos
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Please reload

10

QUEM ESCREVE OS ARTIGOS

Olá, sou o Lucas Amaro. Sou formado em Administração de Empresas e na Escola Nacional de Seguros. Tenho 30 anos e trabalho com seguros desde os meus 17 anos. Se tiver alguma dúvida pode me enviar por e-mail:

lucasamaro@cobrasguros.com.br.

COTAÇÃO
RÁPIDA
Please reload

Você também pode gostar