top of page
  • Lucas Amaro

Seguro residencial como funciona: Guia completo


seguro-residencial-como-funciona

O que é um seguro residencial?


O seguro residencial é uma proteção feita para seu imóvel, seja casa ou apartamento, de uso habitual ou veraneio.


Em casos de acidentes, como por exemplo sua casa pegar fogo, você irá receber o valor necessário para reconstrução dela.


Para isso, você precisa fazer o contrato, também chamado de apólice, realizado através de uma corretora de seguros especializada nesse ramo.


Não existe limites de valore, e você pode incluir diversas coberturas, como: incêndio, roubo e furto de bens, danos elétricos, vendaval, vazamentos de tubulações, danos causados em vizinhos e terceiros, alagamento, despesas com aluguel, entre outras.


Ou seja, você consegue deixar o seguro perfeitamente de acordo com o perfil do seu imóvel, escolhendo os valores ideias para reparar todo tipo de acidente.


Quais coberturas cobrem no seguro residencial?


O seguro residencial oferece cinco tipos de coberturas para você escolher. E a cobertura de danos físicos (quebra acidental) é obrigatória, ou seja, não é possível tirar.


1. Cobertura de incêndio (obrigatória)


Cobre danos causados por qualquer tipo de acidente por fogo ou fumaça.


  • Exemplo: acidente doméstico com uma vela que causa fogo na residência.


2. Cobertura de alagamento


Ampara os prejuízos ao seu imóvel e aos bens em caso de alagamento, inundação e enchente, que tenham acontecido por fortes chuvas.


  • Exemplo: uma chuva muito forte acaba entrando água dentro da residência e danificando móveis e a parte estrutural.


3. Auxílio funeral


Em caso de falecimento do segurado(a), cônjuge ou filhos, será garantido o reembolso das despesas funerárias.


4. Danos elétricos


Danos causados por curto circuito, variações anormais de tensão, calor gerado acidentalmente por eletricidade, descargas elétricas, eletricidade estática, bem como os danos causados pela queda de raio.


  • Exemplo: sua televisão está ligada na rede elétrica e sofre uma tensão.


5. Danos morais


Reembolso de despesas, caso você seja o responsável a pagar por danos morais, que tenham acontecido por conta de danos materiais ou corporais causados a terceiros e que forem amparados pela cobertura de responsabilidade civil familiar.


6. Desmoronamento


Reembolso de despesas, caso você seja o responsável a pagar por danos morais, que tenham acontecido por conta de danos materiais ou corporais causados a terceiros e que forem amparados pela cobertura de responsabilidade civil familiar.

7. Impacto de veículo terrestres


Se acontecer uma batida de veículo que danifique sua casa, você será indenizado por esses prejuízos.


8. Instalações e pequenas reformas


Cobre os danos que possam acontecer em pequenos reparos, instalações ou montagem de móveis, como troca de revestimentos, pinturas, aplicação de gesso, instalação de cortinas, de acessórios de banheiros, de nichos ou montagem de armários e racks.


9. Negócios em casa


Cobre danos causados em escritórios (home-office) até pequenos comércios dentro de casa, sejam abertos para o público ou não. Ideal para profissionais liberais, autônomos e empreendedores que trabalham em casa e para os que tem pequenos estabelecimentos como cabeleireiros, papelarias e até pequenas franquias.


10. Pagamento do condomínio por desemprego ou morte acidental


Em caso de desemprego de alguém que mora em sua casa, pagamos até três condomínios para você. E em caso de morte acidental do segurado, pagamos uma indenização fixa de R$ 5.000,00 para seu(s) beneficiário(s).


11. Perda ou pagamento de aluguel


Se acontecer um sinistro que deixe o imóvel inabitável e te impossibilite de ficar em sua casa, garantimos o aluguel de outro lugar provisório.


12. Placa solar


Amparamos os prejuízos das placas solares do seu lar em caso de danos elétricos, danos por vendaval ou queda de granizo, quebra de vidros e até roubo ou furto.


13. Quebra de vidros


Garante a reposição de box, janelas, espelhos, vidros de varanda, tampos de mesa e até cooktop e louças sanitárias.


14. Responsabilidade civil empregador


Caso você tenha funcionários em casa, essa cobertura garante os danos materiais ou corporais que eles sofrerem, durante o horário de trabalho.


15. Responsabilidade civil familiar


Se sem querer você causar algum acidente a alguém, nós te indenizamos pelas despesas que você tiver com essa situação. Pode ser um vazamento no seu vizinho ou até objetos quebrados em uma loja.


16.Roubo e furto de bens


Cobre a recomposição de bens e equipamentos de dentro da sua residência em caso de um roubo ou furto.


17. Vazamento de tubulações


Indenização em caso de um vazamento que ocorra na sua casa e danificar seus bens.


18. Vendaval


Reposição dos seus bens em caso de ventos fortes ou chuva de granizo, que podem danificar sua casa e o que estiver dentro dela.


19. Vidros


Cobre danos causados em portas e janelas de vidros, e também em balcões de mármore.


Como funciona a indenização do seguro?


A indenização do seguro residencial varia de acordo com cada cobertura, e geralmente são solicitados orçamentos de reparos dos bens avariados. Após enviar os documentos, a seguradora ainda pode solicitar uma vistoria no local.


Importante você saber que a indenização sempre será feita em dinheiro, através de crédito em conta.


Documentos em casos de danos físicos, danos elétricos e danos líquidos:


  • Identidade;

  • Comprovante de residência;

  • NF ou qualquer outro documento que comprove a pré-existência do equipamento (em casos de roubo ou furto);

  • Orçamento do conserto, emitido por uma empresa com CNPJ, e;


Esses são os documentos básicos exigidos, e geralmente não são solicitados extras. Porém, a qualquer momento do processo de indenização a seguradora poderá solicitar novos documentos, fora dessas listas.


Quando isso ocorre é porque o sinistro está passando sindicância, ou seja, quando as informações enviadas não conferem com o que foi relato no acidente.


O tempo de indenização poderá ser maior e, em alguns casos, até mesmo uma entrevista pessoal pode ser solicitada.


Quanto custa um seguro residencial?


O preço de seguro residencial custa em média R$ 500,00 por ano. Isso considerando um imóvel do tipo casa no valor de R$ 400 mil. do valor do equipamento. Mas varia de acordo das coberturas contratadas.


Confira na tabela abaixo quanto cada cobertura custa no seguro, considerando uma residência de R$ 400 mil.


Lembrando que a cobertura de incêndio é obrigatória, então os valores para as demais coberturas já estão considerando-a.


  • Incêndio: R$ 153,66,00 (33% do valor do seguro)

  • Danos elétricos: R$ 157,71 (33% do valor do seguro)

  • Responsabilidade civil familiar: R$ 3,13 (0,67% do valor do seguro)

  • Vendaval: R$ 51,14 (11% do valor do seguro)

  • Quebra de vidros: R$ 9,60 (2% do valor do seguro)

  • Impacto de veículo: R$ 3,59 (0,77% do valor do seguro)

  • Aluguel: R$ 3,63 (0,80% do valor do seguro)

  • Roubo e furto: R$ 110,67 (23% do valor do seguro)


Esses valores podem variar de acordo com os itens incluídos no seguro. O percentual para lentes, flashs, mochilas e demais, são diferentes.


Se você quiser saber quando custa o seguro para sua câmera e/ou seus equipamentos, acesse nosso formulário rápido.


Qual o melhor seguro residencial do mercado?


O melhor seguro residencial é aquele que atende suas necessidades e você sabe exatamente o que cobre.


As seguradoras oferecem praticamente as mesmas coberturas, mudando apenas a franquia na hora da indenização.


Você precisa estar ciente do que está contratando e a abrangência do seguro, para não ter surpresas na hora de usar.


Mas fizemos aqui uma pesquisa através do site Reclame aqui, confira as melhores avaliações:



Como contratar um seguro residencial?


Para contratar um seguro é muito simples. Peça a cotação de seguro através de uma corretora especializada, enviados o endereço completo e as coberturas desejadas.


Após receber os valores, tire duas dúvidas com o especialista e contrate as coberturas que achar necessárias.


Para o seu contratar ser feito você vai precisar informar o seguinte:


  • CPF do proprietário do imóvel:

  • RG:

  • Endereço completo:

  • Profissão:

  • Forma de pagamento:


Você vai receber a proposta de seguro no mesmo dia da contratação, e também receberá por e-mail para assinar de forma digital.


Importante você saber que o seguro começa valer no mesmo dia, e todas as coberturas são zero carência.


Dúvidas mais frequentes


1. Qual o valor médio de um seguro residencial?


O preço médio do seguro residencial para uma casa de R$ 400 mil é de R$ 500,00 por ano. Menos de 1% do valor do imóvel.


2. O que está incluso no seguro residencial?


Automaticamente a cobertura para incêndio já está incluída no seguro residencial. E você pode escolher entre as mais de 15 coberturas adicionais.


3. Qual a melhor empresa para seguro residencial?


De acordo com o site Reclame Aqui, os 3 melhores seguros residenciais são: Caixa Econômica, Porto Seguradora e Tókio Marine Seguradora.


4. Quanto tempo demora para indenizar?


A seguradora leva em média 7 dias úteis após o envio de todos os documentos. Em alguns casos pode demorar mais.


5. Como funciona o seguro de residência?


Em casos de danos ocorridos ao seu imóvel, você pode usar o seguro para reembolsar as despesas necessárias para o conserto ou reparo.


Exemplo: conserto de telhado.

Comments


bottom of page