calculator (3).png

Seguro de responsabilidade civil profissional: como funciona e o que ele cobre



Empreender no Brasil não é fácil, exige uma mistura muito grande de acreditar naquele sonho que você quer ver acontecer, pés no chão e encarar todos os dias desafios e pessoas que não acreditam que dará certo.


Mas se você é determinado(a), disciplinado(a) e faz o básico bem feito, os resultados virão. E virão não por sorte mas sim por muito esforço e dedicação. Todo profissional liberal ou autônomo sabe os desafios que enfrentam todos os dias para no final colher os frutos. E é recompensador.


Confira: Como funciona o seguro de responsabilidade civil para médicos e o que ele cobre.


Muitas vezes são horas e horas trabalhando, pensando, criando e testando ideias novas para buscar maneiras de encontrar os clientes certos, vender para os clientes certos e fidelizar os clientes certos.


Seguro profissional para médicos e Outros especialistas da área da saúde.

Quando finalmente sua ideia da certo, seu negócio começa a dar lucro para você, sua família e seus colaboradores, chega o momento que você precisa proteger isso. Um seguro de responsabilidade civil profissional serve para proteger você e seus colaboradores contra eventuais falhas profissionais.


Ninguém deseja errar ao exercer sua atividade, deixar um cliente frustrado não é uma opção. Mas errar é humano e todos estamos sujeito a isso. Mas com um seguro você consegue diminuir os gastos e despesas decorrentes desses eventuais erros.


"...reservar R$ 900 por ano e ter como garantia R$ 150 mil de proteção é algo que vale com toda a certeza."

Confira quais são as principais profissões que um seguro profissional atende, como ele funciona e quais as principais coberturas.


Quais profissões um seguro de responsabilidade civil profissional atende?


Confira quais sãos as principais profissões que o seguro profissional pode ajudar a minimizar e até evitar que tenha prejuízos, tanto financeiros como de imagem pessoal/empresarial:


  • Médicos e Outros profissionais da área da saúde;

  • Advogados e/ou escritórios de advocacia;

  • Engenheiros, arquitetos e/ou escritórios;

  • Designer de interiores e/ou escritórios;

  • Contador e/ou escritórios;

  • Administrador e corretor de imóveis, imobiliária e síndico profissional;

  • Corretores de seguro;

  • Agentes de viagens ou agências;

  • Certificação digital e/ou escritórios;

  • Despachante aduaneiro e/ou escritórios;

  • Empresas e/ou profissionais de mídia;

  • Empresas de tecnologia;

  • Intermediário de jogador de futebol;

  • Notários e registradores;

  • Veterinários.


Como funciona o seguro de responsabilidade civil profissional?


Um seguro de responsabilidade profissional funciona a base de reclamação. Isso quer dizer que o profissional que tiver uma apólice de seguro somente irá acionar a seguradora quando ele for acionado judicialmente por terceiros.


Em alguns casos, quando previamente acordado com a seguradora, terceiro(s) e segurado (ou seja, todas as partes), o seguro pode ser acionado sem a necessidade de ocorrer a ação judicial. Isso acontece quando a seguradora entende que o segurado é de fato culpado, sem questionamentos, pelo erro profissional.


O período de vigência do seguro é de 1 ano e poderá ser renovado de forma voluntária do segurado (o profissional) no final de cada contrato. Qualquer reclamação de terceiro somente terá cobertura quando a mesma ocorrer no período vigente do contrato.



O valor de cobertura indenizatória (quanto o profissional estará amparado) deverá ser escolhido no momento da contratação e poderá ser acrescido a qualquer momento. Claro que para aumentar a cobertura sempre será cobrado um valor adicional proporcional.


Os valores disponíveis para contratação variam entre R$ 100 mil e R$ 1 milhão, e o custo do seguro varia muito, pois dentro da mesma profissão poderão haver diferentes níveis de riscos e responsabilidades. É o caso de médicos, pois o risco de um clínico geral, normalmente, é menor do que um cirurgião.


Confira quais são as coberturas do seguro de responsabilidade civil profissional


Para algumas áreas de atuação possuem coberturas e serviços específicos que amparam o profissional caso cometa alguma falha. Porém, de modo geral, as coberturas são as mesmas, mudando apenas o campo de atuação e suas atividades envolvidas.


· Serviços Profissionais:

Ampara o profissional por qualquer ato danoso cometido por ele a terceiro(s) na realização de seus serviços profissionais prestados.


· Dano Moral:

Reclamados por terceiros, desde que resultantes de evento coberto e qualificado como ato de negligência, ação ou emissão inerente à prática profissional.


· Custos de comparecimento ao tribunal:

Reembolsa as despesas, considerando os custos para cada dia que for preciso comparecer a julgamento.


· Custo de restituição de imagem:

Cobre os custos de restituição da imagem do segurado em consequência de uma reclamação.


· Responsabilidade solidária:

Garante as perdas financeiras decorrentes de qualquer ato danoso cometido por qualquer empregado independente, ou subcontratado ou pessoa contratada para a prestação de um serviço (uma responsabilidade conjunta.


· Ato do bom samaritano (exclusivo para profissionais da saúde):

Ampara o segurado diante de reclamações por ter agido em uma situação de emergência em que esteja presente por acaso, seja fora do seu horário de expediente, seja fora do seu âmbito de atuação.


· Responsável médico (exclusivo para médicos):

Perdas incorridas pelo Segurado em consequência de reclamações que venham a recair sobre ele por conta de ocupação de cargo ou exercício de função de Responsável Médico pelo Segurado, exclusivamente na(s) entidades devidamente mencionadas(s) nas especificações.


· Chefe de equipe (exclusivo para profissionais da saúde):

Refere-se aos serviços profissionais voltados a saúde realizados atuando sob chefia, comando, orientação ou subordinação direta e presencial do Segurado na área da saúde humana, com o objetivo de prestar socorro ou assistência, buscar a cura ou o tratamento de doenças, enfermidades, ferimentos, lesões ou males, aliviar a dor, preservar o bem-estar, a saúde física e mental a vida.


· Difamação, calúnia e injúria:

Cobre as perdas relacionadas a qualquer reclamação de terceiros sobre difamação, calúnia e injúria feita involuntariamente pelo segurado durante a atividade profissional.


· Propriedade intelectual:

Cobre as perdas relacionadas a qualquer reclamação de terceiros sobre violação não intencional de direito de propriedade intelectual, exceto patentes e segredos comerciais cometidos pelo segurado durante a atividade profissional.


· Extravio, roubo ou furto de documentos:

Cobre as perda relacionadas a danos de documentos de clientes que tenham sido destruídos, danificados, perdidos, alterados, roubados ou extraviados.


· Ato desonesto de empregados:

Cobre as perda relacionadas a qualquer reclamação de terceiros contra o segurado, a respeito de conduta de má-fé de algum empregado em sua atividade profissional.


· Poluição, contaminação ou vazamento súbito acidental (exclusivo para engenheiros e arquitetos):

Garante as perdas resultantes de vazamento acidental, ocorrido de forma súbita e imprevista, de substâncias de quaisquer poluentes (exceto materiais nucleares e/ou radiativos), que tenha cessado em até 72h após seu início.


· Responsável por produtos de tecnologia:

Cobre as perdas relacionadas a qualquer reclamação de terceiros contra o segurado por causa de falha em produto de tecnologia.


· Violação de privacidade:

Cobre as perda relacionadas a qualquer reclamação de terceiros por violação de direitos de privacidade cometida pelo segurado.


· Responsabilidade na internet (exclusivo para certificação digital e/ou escritórios):

Cobre as perda relacionadas a qualquer reclamação de terceiros por causa de ação incorreta na internet.


Conclusões pessoais sobre o seguro profissional


Se você atua em alguma das áreas acima e diariamente assume riscos de terceiros com altos valores envolvidos, aposto que já deve ter se preocupado se cometesse algum erro, certo? O seguro serve justamente para isso, tirar essa preocupação.


Falo isso pois como corretor de seguros eu sempre pensei, e se cometesse algum erro em contrato de algum cliente e ele ficasse sem receber a indenização? Eu faço seguro de carro acima de R$ 100 mil, como eu iria bancar uma despesa dessas?


Quando comecei a vender para mais para pessoas que eu não conhecia e não somente para indicações, essa preocupação aumentou. Foi então que chegou o momento que me dei conta que não poderia ficar trabalhando sem ter algum amparo por erros profissionais não intencionais.


No meu caso, como corretora de seguros, reservar R$ 900 por ano e ter como garantia R$ 150 mil de proteção é algo que vale com toda a certeza. Assim me sinto bem mais seguro e tranquilo para trabalhar e atender clientes em qualquer lugar do Brasil.

Posts Relacionados

Ver tudo
Artigos mais lidos
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10

QUEM ESCREVE OS ARTIGOS?

Olá, sou o Lucas Amaro. Sou formado em Administração de Empresas e na Escola Nacional de Seguros. Tenho 32 anos e trabalho com seguros desde os meus 17. Se tiver alguma dúvida pode me enviar por e-mail:

lucasamaro@cobrasguros.com.br.

COTAÇÃO
RÁPIDA
TAMBÉM ESTAMOS NO IG - P.png
COTAÇÃO RÁPIDA I.png