Como funciona um seguro de bicicleta?

Atualizado: Set 9



Se você está pesquisando sobre contratar um seguro de bicicleta então chegou no lugar certo. Eu vou te contar tudo o que você precisa saber sobre como funciona esse seguro, o que ele cobre, o que ele não cobre, quanto custa, quais as franquias e se vale a pena ou não contratar.


"...são aceitas bikes utilizadas para competições, locomoção diária e lazer. A aceitação do seguro é bem ampla, atendente ciclistas de várias características".

Esse seguro é uma modalidade recente, criada pelas seguradoras afim de atender um mercado que tem crescido cada vez mais aqui no Brasil. Com bicicletas que passam de R$ 100 mil, os ciclistas estão cada vez mais exigentes e preocupados com seu equipamentos.


cotar-seguro-bicicleta

Por isso foi criado esse tipo de seguro, para atender essa demanda de ciclistas de todos os tipos: usuários eventuais, casuais e até mesmo esportistas e profissionais. Se você é um desses então confira nesse artigo tudo sobre seguro de bike.


Como funciona o seguro de bicicleta?


O seguro de bike é feito através de uma corretora de seguros especializada que tenha parceria com seguradoras que oferecem esse tipo de seguro. Sim, para contratar esse seguro você precisará entrar em contato com uma corretora.


São aceitos diversos modelos de bicicletas, como: urbana, mountain bike, speed, bicicletas elétricas, dobráveis, BMX, dowhill, trial, fixa, reclinada e handbike. E é possível contratar o seguro para bicicletas novas e usadas, porém o limite são 5 anos de uso.


Também são aceitas bikes utilizadas para competições, locomoção diária, lazer e todas essas alternativas juntas. Ou seja, a aceitação do seguro é bem ampla, atendendo ciclistas de várias características.


"É possível contratar o seguro para bicicletas novas e usadas, porém o limite são 5 anos de uso."

O seguro oferece cobertura em todo território brasileiro, mas é importante falar que caso você faça uma viagem internacional é possível contratar uma cobertura de garantia internacional. Falaremos mais sobre ela em seguida, junto com todas as coberturas para seguro de bicicleta.


Algumas seguradoras exigem um valor mínimo para contratação do seguro. O seguro de bicicleta da Porto Seguro aceita modelos a partir de R$ 2.000,00 (dois mil reais) até R$ 80.000,00 (oitenta mil reais). Podendo garantir ainda equipamentos e acessórios, como ciclocomputador, velocímetro digital e navegadores/GPS.


Para a contratação do seguro também é exigida a nota fiscal da bike. Caso ela tenha sido comprada fora do Brasil será preciso apresentar a nota fiscal do país de origem. Porém o valor do seguro sempre será feito em moeda brasileira, assim como a indenização também.


O que cobre um seguro de bicicleta?


O seguro de bicicleta oferece coberturas tanto para a bicicleta em si, para seus equipamentos e acessórios, como também para o próprio ciclista, caso da cobertura de acidentes pessoais. Confira abaixo quais são as coberturas do seguro de bicicleta.


Cobertura de danos à bike

Cobre os danos causados por incêndio, queda, tentativa de roubo e, ainda, situações em que a bike estiver sendo levada por um veículo transportador.


Cobertura de roubo da bike

Proteção contra roubo, ou seja, quando há ameaça direta ou uso da violência ao segurado(a) ou arrombamento do local onde a bicicleta estiver guardada.


Cobertura de danos elétricos à bike

Cobre os danos causados por oscilações de energia, descargas elétricas e curto-circuito em bikes elétricas.


Cobertura de bike bagagem

Cobre o extravio da bicicleta em viagens aéreas ou rodoviárias, durante o trajeto de ida e volta de viagem do segurado (a), desde que tenha o ticket de embarque. Entende-se como bagagem a bicicleta segurada e a mala utilizada para o transporte.


Cobertura de responsabilidade civil

Cobre os danos materiais e ou corporais causados a terceiros durante o uso da bicicleta.


Cobertura de garantia internacional

Extensão de todas as garantias contratadas no seguro mas que ocorrerem fora do Brasil. Ideal para quem participa de competições fora do país com frequência.


Cobertura de acidentes pessoais

Cobre as despesas em caso de morte acidental e invalidez permanente (total ou parcial), decorrentes de acidentes, além de despesas médicas, hospitalares e odontológicas.


O que cobre um seguro de bicicleta não cobre?


No seguro sempre é importante saber o que ele cobre, porém tão importante quanto ou talvez até mais, é saber o que não está coberto. Confira abaixo quais são as principais exclusões no seguro de bicicleta, assim você nunca será pego de surpresa.


a. Artigos de ouro, prata e platina, pérolas, pedras e metais preciosos ou semipreciosos, peles, raridades e antiguidades;


b. Quaisquer bens não pertencentes ao segurado(a), salvo se decorrente de responsabilidade civil prevista na cobertura opcional deste seguro, quando contratada;


c. Bicicleta e acessórios desmontados e/ou fora de uso e/ou sucatas;


d. Bens e acessórios não descriminados na apólice;


e. Bicicletas, componentes e acessórios quando objeto de viagens de entrega realizadas ou sob responsabilidade da fábrica, concessionária, revenda ou loja e o segurado(a) não tenha tomado posse formal e efetiva do equipamento por ele adquirido;


f. Equipamentos caracterizados como mercadoria e/ou estoque do segurado(a);


g. Atos de autoridade pública, salvo para evitar propagação de danos cobertos por este contrato;


h. Guerra (declarada ou não), invasão, inimigos estrangeiros, fissão nuclear, atos de hostilidade, operações bélicas, guerra civil, química ou bacteriológica, guerrilha, revolução, insurreição, rebelião, sedição, conspiração, sublevação ou ato de autoridade pública militar ou de usurpadores de autoridade ou atos de qualquer pessoa que esteja agindo por parte de ou em ligação com qualquer organização cujas atividades visem à derrubada, pela força, do Governo “de jure” (de direito) ou "de facto” (de fato) ou a instigar a queda do mesmo por meio de atos de terrorismo ou subversão;


i. Radiações ionizantes, contaminação pela radioatividade de qualquer combustível nuclear, resíduos nucleares, ou material de armas nucleares;


j. Atos de vandalismo;


k. Atos ilícitos dolosos ou por culpa grave equiparáveis ao dolo praticado pelo segurado(a), terceiro/cliente, pelo beneficiário ou pelo representante, de um ou de outro e ainda causados pelos sócios controladores, seus dirigentes e administradores legais, beneficiários e seus respectivos representantes;


l. Desarranjo e/ou defeito mecânico, defeito de fabricação, desgaste natural pelo uso, deterioração gradativa, manutenção deficiente e/ou inadequada, falta de conservação, danos em operações de reparo, ajustamento, desmontagem, serviços de manutenção, instalação e montagem dos bens/interesses garantidos, vício próprio, vício oculto, fim de vida útil, defeito oculto, má qualidade, umidade, erosão, corrosão, ferrugem, oxidação, incrustação, fadiga, fermentação e/ou combustão natural ou espontânea;


m. Roubo, extorsão, apropriação indébita, subtração, estelionato praticados contra o patrimônio do segurado por seus ascendentes, descendentes, cônjuge, parentes, funcionários ou prepostos, arrendatários ou cessionários;


n. Apropriação ou destruição por força de regulamentos alfandegários;


o. Contrabando, transporte e comércio ilegais;


p. Estouros, cortes e outros danos causados a pneumáticos e câmaras de ar, salvo se resultarem de evento coberto;


q. Sobrecarga, isto é, por carga cujo peso exceda a capacidade normal da bicicleta segurada;


r. Negligência do segurado, ascendentes, descendentes, cônjuge, na utilização da bicicleta e acessórios;


s. Desaparecimento inexplicável e/ou simples extravio do bem segurado;


t. Abandono do equipamento segurado;


u. Inobservância das condições normais de uso e manutenção da bicicleta e acessórios, bem como o desligamento intencional de dispositivos de segurança ou de controles automáticos;


v. Perda ou pagamento de aluguel;


w. Despesas fixas;


x. Transporte do equipamento segurado em veículo não regulamentado pelos órgãos competentes;


y. Transporte inadequado ou em desacordo com a regulamentação e/ou legislação;


z. Bicicletas seguradas deixadas no interior de veículos, onde quer que os veículos estejam, salvo mediante ameaça direta ou emprego de violência contra o segurado ou usuários por ele autorizados;


aa. Confisco, nacionalização, sequestro, arresto, apreensão, requisição, destruição, determinadas por ordem de qualquer autoridade federal, estadual ou municipal, ou outras autoridades.


Quanto custa um seguro de bicicleta?


O preço de seguro de bicicleta leva em consideração informações como: quem irá utilizar e também o modelo que será assegurado. São informações relevantes no preço: região aonde o segurado(a) mora, preço da bike, qual a utilização dela, coberturas e o modelo.


Aqui na corretoranós trabalhamos com seguro de bike exclusivamente pela Porto Seguro, então os dados de valores que irei trazer são baseados nessa seguradora. Existem outras opções no mercado, mas fiz uma comparação de preço, coberturas e franquias, e o custo final do seguro fica bem similar.


Todos os modelos, exceto a elétrica, possuem a mesma taxa. A diferença será através do preço e da utilização. Para você ter uma ideia, a seguir eu trago uma comparação de preços entre todos os modelos e a bike elétrica, com 3 preços diferentes, assim você consegue ter uma boa noção de quanto custa um seguro de bicicleta.


Exemplo A (urbana, mountain bike, speed, dobráveis, BMX, dowhill, trial, fixa, reclinada e handbike):


· Valor R$ 3.000,00;

· Coberturas: danos à bike, roubo e garantia internacional;

· Utilização: locomoção diária;

· Preço do seguro anual: R$ 437,49.


· Valor R$ 8.000,00;

· Coberturas: danos à bike, roubo e garantia internacional;

· Utilização: locomoção diária;

· Preço do seguro anual: R$ 789,76.


· Valor R$ 20.000,00;

· Coberturas: danos à bike, roubo e garantia internacional;

· Utilização: locomoção diária;

· Preço do seguro anual: R$ 1.579,85.


Exemplo B (bicicleta elétrica):


· Valor R$ 3.000,00;

· Coberturas: danos à bike, roubo, danos elétricos e garantia internacional;

· Utilização: locomoção diária;

· Preço do seguro anual: R$ 438,19.


· Valor R$ 8.000,00;

· Coberturas: danos à bike, roubo, danos elétricos e garantia internacional;

· Utilização: locomoção diária;

· Preço do seguro anual: R$ 795,86.


· Valor R$ 20.000,00;

· Modelo: Fixa;

· Coberturas: danos à bike, roubo, danos elétricos e garantia internacional;

· Utilização: locomoção diária;

· Preço do seguro anual: R$ 1.606,92.


Franquias no seguro de bicicleta


Assim como em quase todos os tipos de seguro, no seguro de bicicleta também possui a franquia. A franquia é um valor ou percentual previamente determinado pela seguradora afim de minimizar o uso do seguro e até mesmo evitar que seja usado de má fé.


É muito conhecido no seguro de carro, mas aqui no seguro de bike ela funciona um pouco diferente, pois é feita de forma dedutível. Confira abaixo quais são as franquias cobradas em cada cobertura do seguro.


Franquia da cobertura de danos à bike (cobertura obrigatória)

São 10% das indenizações aplicável em caso de perda parcial e perda total.

Exemplo 1: Bicicleta de R$ 10 mil – dano parcial R$ 2 mil = franquia R$ 200,00.

Exemplo 2: Bicicleta de R$ 10 mil – dano total R$ 10 mil = franquia R$ 1.000,00.


Franquia da cobertura de roubo da bike

São 10% das indenizações com mínimo de R$ 100,00.

Exemplo 1: Bicicleta de R$ 10 mil = franquia R$ 1.000,00.


Franquia da cobertura de danos elétricos à bike

São 10% das indenizações aplicável em caso de perda parcial e perda total.

Exemplo 1: Bicicleta de R$ 10 mil – dano parcial R$ 2 mil = franquia R$ 200,00.

Exemplo 2: Bicicleta de R$ 10 mil – dano total R$ 10 mil = franquia R$ 1.000,00.


Franquia da cobertura de bike bagagem

Não possui franquia.


Franquia da cobertura de responsabilidade civil

Não possui franquia.


Franquia da cobertura de garantia internacional

Não possui franquia.


Franquia da cobertura de acidentes pessoais

Não possui franquia.


Vale a pena contratar um seguro de bicicleta?


A contratação de qualquer tipo de seguro sempre irá depender do valor que esse bem entrega para você. Eu sempre falo que seguro é sinônimo de prevenção, então se você é uma pessoa prevenida e enxerga grande valor agregado naquilo que você compra, então vale a pena contratar o seguro sim.